Serviço Autônomo de Água e Esgoto: Competências


Garantir a universalização da prestação dos serviços de abastecimento de água, coleta, transporte e tratamento do esgoto sanitário de São Cristóvão, assegurando bem – estar social, colaborando com o desenvolvimento sustentável do município, investindo no crescimento socioeconômico, com postura socialmente responsável e ecologicamente correta.
A - SEÇÃO DE CONTAS E CONSUMO: Este setor é responsável pelo cadastro de todas as ligações de água do município. A listagem e leitura de todos os hidrômetros também ficam a cargo da seção, que num trabalho minucioso para evitar erros, verifica a correção das leituras efetuadas e confronta os dados. Depois de feita e leitura e procedida a verificação dos dados, o setor fatura, faz a emissão e a distribuição das contas. Desta seção partem os avisos e ordens de corte de fornecimento de água e a baixa das contas pagas. Aqui também são feitas as alterações de cadastros e as mudanças de categorias de consumo.
B - SEÇÃO DE RECURSOS HUMANOS: Setor que cuida da vida funcional dos servidores do SAAE. Por aqui passa tudo que diga respeito à vida do funcionário na entidade, desde a admissão até a aposentadoria. Acompanhamento dos programas de promoção e progressão dos funcionários, bem como lançamento de férias, benefícios, afastamentos e folhas de pagamento ficam a cargo do setor. A seção também acompanha os programas de Medicina, Saúde e Segurança do Trabalho, além de sugerir treinamento e auxiliar na avaliação de desempenho dos servidores.
C - SEÇÃO DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO Entre outras coisas, esta seção cuida da construção e reparos na rede de distribuição de água; prima pela manutenção dos reservatórios; corte e religação no abastecimento; vazamentos e descarga na rede. O setor também é responsável pela substituição e transporte de padrão, além da transformação de ligação de tubos de ferro para tubos de PVC, bem como fazer testes de vazamento nos domicílios, avaliação de pressão na rede, verifica o desvio de ramal, vazamento do padrão e lavagem nos decantadores da ETA.
D - ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA (ETA) Esta é a área responsável pela captação da água bruta do rio e por todo o processo de tratamento e controle de qualidade. As etapas de clarificação, desinfecção, distribuição e análises físico-químicas e biológicas da água realizadas pelo setor seguem os padrões de exigência estabelecidos pelo Ministério da Saúde.
E - LABORATÓRIOS (CONTROLE DE QUALIDADE DA ÁGUA) Esta seção é responsável pelas análises físico-químicas (turbidez, alcalinidade, PH, presença de metais, etc.) e bacteriológicas (coliformes fecais e totais) da água bruta (in natura) e da água filtrada. Conforme os resultados, é feita a dosagem de produtos químicos para o tratamento, que consiste em várias etapas (captação, floculação, decantação, filtragem, desinfecção e fluoretação). O setor também realiza coletas no final da rede de abastecimento de cada bairro (ponto mais provável de ocorrência em caso de contaminação) pelo menos duas vezes por semana, para análise dos níveis de PH, turbidez, cloro, flúor, temperatura e ferro presentes na água. Na mesma coleta são feitas análises bacteriológicas para a detecção de coliformes fecais e totais.