Calçamento, iluminação, pintura de meio-fio e limpeza urbana são peças-chaves para qualquer cidade. A prioridade do prefeito Marcos Santana ao assumir a gestão da cidade foi regularizar a situação de dezenas de locais que estavam abandonados há mais de uma década, e a equipe da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsurb) ficou com a extensa tarefa de regularizar situações ligadas diretamente à mobilidade urbana dos sancristovenses.

O primeiro desafio apareceu logo no início do ano, após as primeiras chuvas, que ocasionaram problemas na estrutura das ruas do Centro Histórico e também no Grande Rosa Elze. A força tarefa da Semsurb trabalhou alternando os momentos de crise com a estabilidade climática e assim conseguiram resolver os problemas. “Encontramos uma cidade precisando de reparos emergenciais, e após as chuvas tivemos que agir rapidamente para conter estragos nos calçamentos que surgiram do dia pra noite. O sancristovense estava convivendo com situações que prejudicavam sua mobilidade e a Prefeitura de São Cristóvão, através da Semsurb, trabalhou para que fosse reconstruído cada ponto que estava ruim”, disse o secretário da Semsurb, Genivaldo Silva dos Santos.

No Centro Histórico, a recuperação (com paralelepípedos) passou pelas ruas: Ivo do Prado, Santa Cecília, Rosário, Mamede Dantas, 31 de março, D (Alto Santo Antonio), Amintas Machado, José de Alfredo, Hildete Falcão Batista, São Gonçalo, Anísio José de Oliveira, Jaqueira, João Bebe-Água, travessa Lourival Batista e Hildete Falcão Batista, além das ladeiras: 31 de março, São Bento, da Prefeitura, da Quadra dos Pintos (rua 9) e Vasco da Gama. As praças da Matriz, Bíblia e São Francisco também passaram por ajustes.

Já no Grande Rosa Elze, a ação da Semsurb passou pelas ruas: Rio Branco no Tijuquinha, Largo do Ceasa no Eduardo Gomes, C e L do Jardim Loreto, 63 do conjunto Eduardo Gomes, além do serviço de drenagem na Rua M, Residencial Vila de São Cristóvão, serviço de esgotos e drenagem do Ceasa Eduardo Gomes. Ao todo foram aproximadamente sete mil metros de paralelepípedos implantados/reassentados.

Iluminação

São Cristóvão passou por um grande processo de iluminação nos últimos meses. O prefeito Marcos Santana lidou com o tema sendo uma questão a se resolver prioritariamente.  Segundo o coordenador do setor de iluminação da Semsurb, Bruno da Hora Passos foram realizados no ano passado, 6.146 atendimentos de manutenção no setor iluminação pública. Ao todo foram instalados 8.067 pontos de luz. Os investimentos em iluminação pública são oriundos da taxa de iluminação paga pela população, que é convertida automaticamente em benefícios direto aos cidadãos.

“Tínhamos locais com grandes necessidades, no quesito iluminação. A prefeitura, através da taxa de iluminação, converteu os recursos em ações. Cobrimos praticamente 76% do parque de iluminação do município, e estamos trabalhando para abranger todo o restante. Quando citamos iluminação estamos tratando diretamente também de segurança pública, visto que locais mais iluminados brecam a ação de marginais. A nossa preocupação é que o nosso cidadão tenha orgulho da cidade que mora, e possa conviver em harmonia com a sua própria região”, disse Bruno.

No Centro Histórico, a Semsurb, através do setor de iluminação pública, realizou centenas de novas instalações e recuperou áreas que estavam necessitadas de claridade. Na lista de ruas (e localidades) que receberam melhoria estão: Campinho, Valdir Matos, Egisto, João Bebe-Água, Etelvino Oliveira, Pedro Amado, Burburum, Portelinha, Largo do Campo, Engenheiro Boto de Barros, das Flores, Alto da Favela, 24 de Outubro, Rosário, Paulo Barreto, José Vicente (ladeira), praças da Bandeira, Mercado, Carmo e Rosário, Professor José Alencar Cardoso, José de Góis, rodovia João Bebe-Água, Largo da Matriz, Largo da Ponte, Fonte dos Padres, Mercado, loteamento Imperial, estrada para o Campo do Limão, avenida Otoniel Amado, Pai Tomé, Professor Leão Magno, Estação, Mamede F. Dantas, João Bebe-Água, rua e avenida Lourival Baptista, Dom Vicente Távora (ladeira), loteamento Lauro Rocha, Anízio José de Oliveira, Apicum, travessa Maria Virgínia, loteamento Lauro Rocha, Baixo da Divinéia, Flores, Alto da Divinéia, loteamento São João (estrada do Cristo), Arrepiada, Alto do Itabaiana, loteamento Jupiá.

No Grande Rosa Elze, os trabalhos também foram intensos e abrangeram no Jardim Universitário, as ruas A e B. Já no Madre Paulina, a iluminação chegou para os moradores das ruas: A, C, L e da entrada principal. No Rosa Maria, a Semsurb atuou nas ruas Venerável Valdomiro, José Amilca de Azevedo, Alan Silva, H1 e na Travessa. No Luiz Alves foram as ruas 2, B, Santa Luzia e São Francisco. No Rosa Elze, as ruas: Enoque Lima de Souza, Prefeito Horácio de Souza Lima, K, Horácio S. Lima, Dr. Calumbi Barreto, B, Barão de Mauá, Panificador Silva, Horácio S. Lima (praça), Sintufs, Grujim, Chesf (avenida) e Major Teles de Menezes também foram iluminadas. No Eduardo Gomes, as equipes passaram pelas ruas: 26, Avenida Marginal, imediações da Unidade 24h e na 62. No Tijuquinha foram as ruas: Lauro Maia, Tobias Barreto (travessa) e São Lourenço. Na Jabotiana, o loteamento Santo Inácio contou com ação de iluminação. No Jardim Imperial, a rua A (lote 3) também entrou no cronograma de serviços da Semsurb no quesito iluminar.

Os moradores dos povoados sancristovenses também viram suas ruas ganhando claridade, a exemplos da: Pedreira, Chica, Saco dos Borges, Aningas, Carmo, Cardoso, Aldeia, Umbaúba, Recreio dos Passarinhos, Arame II, São Gonçalo, Camboatá, Miranda, Recanto dos Pássaros, Várzea Grande, Cristo, Garganta, Cajueiros, Cajueiros, Caípe Velho, Caípe Novo, Gonçalo João, Cascalheiras, Pedreira, Timbó e Rita Cacete.


Lixo

Segundo Rose Nunes, engenheira da Semsurb responsável pela manutenção e limpeza da cidade, no tocante ao lixo houve uma redução de 200 mil por mês na fatura de pagamento da prefeitura para com a empresa contratada para executar tal serviço. “Foram feitos reajustes para nossa economia e um melhoramento gratificante nas coletas das ruas e povoados ainda temos a melhorar, mas já demos um passo enorme. Com o crescimento do Grande Rosa Elze várias solicitações de coletas de lixo foram solicitadas e a Prefeitura de São Cristóvão está realizando um organizado cronograma de limpeza diária, que inclui tanto a sede quanto o Grande Rosa Elze, abrangendo todas as áreas. Estamos atuando todos os dias da semana, e também realizando alguns mutirões em áreas de grandes necessidades para agilizar alguns processos de limpeza”, informou Rose.

Fotos: Danielle Pereira/Márcio Garcez.


Avenida Irineu Nery
Cabrita
Cardoso
Limpeza canal do Eduardo Gomes
Podação
Genivaldo Silva dos Santos
Bruno da Hora Passos
Rose Nunes