A Secretaria Municipal de Assistência Social e do Trabalho (Semast) leva o programa “Tempo de Conhecer” para os moradores do povoado Rita Cacete e adjacências. A ação está acontecendo nesta quinta-feira (31), das 8h às 16h na Escola Rural Rita Cacete, com serviços de: inscrição no Cadastro Único, atualização cadastral, consultas, desbloqueios atendimentos, informações acerca das condicionalidades do Bolsa Família, entrega de cartões dos beneficiários do Bolsa Família, bem como esclarecimento de dúvidas acerca dos benefícios do INSS.

Segundo a coordenadora municipal do Cadastro Único e do Programa Bolsa Família, Emilly Nardelli, o “Tempo de Conhecer” tem o papel de facilitador das ações da Semast junto à população. “Nossa intenção é promover um cadastro itinerante, deixando os serviços mais perto da população, o que facilita o dia-a-dia dos moradores daqueles povoados mais afastados das centrais de cadastro. Além disto, estamos atuando em parceria com as secretarias de saúde e educação, que participam desta iniciativa no tocante às orientações sobre o condicionamento do Bolsa Família. Agradecemos o apoio dos envolvidos e também o respaldo que a Escola Rural de Rita Cacete deu para nosso trabalho”, enfatizou.

Emilly também explicou que desde o início do ano, a Semast vem atuando para que os sancristovenses, que possuem Cadastro Único, não fiquem sem informação. “De janeiro a junho nós realizamos centenas de recadastramentos em nosso município. A Semast disponibilizou pontos dentro do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Sede e também no anexo ao CRAS Dr. Gilson Prado Barreto, que fica no conjunto Eduardo Gomes. Para os próximos meses já estamos traçando os planos de visitações e queremos atender os povoados através de blocos, o que promoverá maior acesso aos dados, e consequentemente, à políticas públicas”, pontuou.

Para Elisabeth Lucivalda Faustino Santos, moradora da região, a ação itinerante surtiu o efeito esperado pela equipe da Semast. “Hoje mesmo já estava me programando para passar lá no Centro Histórico e poder me recadastrar, foi então que fiquei sabendo desta inciativa da prefeitura e passei pra conferir. Como a escola está relativamente perto de minha casa, passei agora pela manhã e adiantei minha demanda. Tenho filho pequeno, o que toma muita atenção da gente, então aproveitei para resolver essa pendência”, disse.

Lembrando que até às 16h de hoje, a equipe da Semast estará dentro da Escola Rural Rita Cacete realizando este mutirão. Para participar do cadastro, a pessoa deve comparecer ao local portando: RG, CPF, comprovante de residência, título eleitoral e carteira de trabalho. Já para realizar o cadastramento familiar é necessário RG, CPF e declaração escolar dos demais membros da família.

Foto: Danielle Pereira


Emilly Nardelli
Elisabeth Lucivalda Faustino Santos