Desde o início do ano, a Prefeitura de São Cristóvão, através da Secretaria Municipal de Saúde, vem cuidando dos trâmites para a reabertura da Urgência 24h, que funciona anexa à Unidade Básica de Saúde (UBS) Maria José Soares Figueroa, no conjunto Eduardo Gomes, Grande Rosa Elze. Todo esse período de maturação está em consonância com decisões relativas ao chamamento público para gerenciamento da unidade de Urgência 24h e também na finalização do recebimento, via doação, de equipamentos por parte da Secretaria Estadual de Saúde. 

Agora todos estes processos começam a se desenrolar aos olhos da população. Na Urgência 24h já vem acontecendo obras na infraestrutura que darão ao local as condições adequadas para atender e acolher dignamente os sancristovenses. “Estamos fazendo reparos em todo o telhado, rebocando áreas internas e externas, ampliando a sala de repouso e construindo também mais dois banheiros. Todo esse processo vem acontecendo sob os cuidados da Secretaria Municipal de Infraestrutura. A preocupação do prefeito Marcos Santana e de toda a equipe da Secretaria Municipal de Saúde é a de que o atendimento volte a ser realizado em sua plenitude, dando à população todo o respaldo necessário na área de saúde”, garantiu a secretária municipal de Saúde, Joélia Silva Santos.

Ainda de acordo com a secretária, o local ficará pronto para atender em média 250 pessoas por dia. “A Urgência 24h do Eduardo Gomes foi concebida, em sua fundação, para atender pequenas complexidades, porém, estaremos oferecendo atendimentos em sala de estabilização para dois pacientes, o que significa ter um atendimento inicial que se assemelha a uma mini-UTI, em casos como um AVC, IAM. Esses pacientes poderão aguardar com a devida segurança a remoção para um leito de maior suporte em hospital especializado."
 
A gestora da pasta informou, também, que estão sendo fechados os detalhes para o chamamento público de contratação de uma empresa que vai gerenciar o 24h. "E também estamos finalizando o recebimento de equipamentos que vão nutrir a urgência. Parte deles oriundos de doação da Secretaria Estadual de Saúde, e parte decorrente de processos de adesão à Ata de Registro de Preços do próprio Ministério da Saúde. Estamos trabalhando para entregarmos o quanto antes a unidade à população. Todos estão envolvidos diuturnamente para que isto aconteça nas próximas semanas”, frisou Joélia Santos. 

Fotos: Márcio Garcez  
 


Joélia Silva Santos